quarta-feira, 13 de junho de 2018

Building Dev's: Internet of Things & Robótica




O que é o Building Dev's?
O Building Dev's é um evento criado pela Zero Treze Innovation Space que aborda diversos temas da área tecnológica. Com o objetivo de trazer para a comunidade da Baixada Santista temas relevantes para a capacitação intelectual e profissional.
Qual o público do evento?
Estudantes de cursos relacionados a tecnologia, profissionais de TI e entusiastas são nosso público alvo.
Cronograma:
13:00 as 13:45 - Credenciamento
13:45 as 14:10 - Apresentação ZeroTreze
14:10 as 15:10 - Palestra "Internet das Coisas, Conhecendo plataformas de desenvolvimentos" com Douglas Esteves
15:10 as 15:30 - Coffebreak
15:30 as 16:30 - Palestra sobre Robótica com Fernando Veiga
16:30 as 17:00 - Encerramento
Sobre os palestrantes:
Fernando Veiga
Professor, Pesquisador e Desenvolvedor de projetos didáticos na área de tecnologias educacionais para crianças e adolescentes. Trabalho sobre a otica Open Source ensinando Liderança, empreendedorismo e inovação, seguindo os principios de jean piaget e Lev Vygotsky para construção de conhecimento por meio de informação e desafios. Como Community Manager abro caminho para a o crescimento da comunidade com relações publicas e criando elos com outras entidades para auxiliar na dissiminação do saber de modo gratuito a todos.
https://www.linkedin.com/in/pfveiga7/
Douglas Esteves
Co-fundador do IoTMakers, Engenheiro da Computação, entusiasta com projetos de Internet das Coisas, organizador de atividades no IoTMakers, membro ativo do Hackerspace : Laboratório Hacker de Campinas (LHC).
https://www.linkedin.com/in/douglasesteves/



terça-feira, 12 de junho de 2018

Seminário: Histórico e conceitos da Internet e sua governança



Prof. Demi Getschko NIC.br e PUC-SP Histórico e conceitos da Internet e sua governança A Internet, a despeito de ter sido financiada por verbas militares, nasceu aberta, sem um controle central e cooperativa. Sua aceitação inicialmente pela comunidade acadêmica e, depois, pela sociedade como um todo, gerou e continua gerando rupturas. Seja na forma de se gerarem padrões técnicos, seja em substituição de serviços e modelos de negócio, seja na potencialização da comuunicação indistinta, entre todos, caracterizada pelo surgimento das redes sociais. Com a entrada de todos os segmentos na rede, a forma de acompanhar seu desenvolvimento e, se possível, harminonizar legislação e costumes locais num novo mundo sem fronteiras é um dos problemas mais críticos que teremos que enfrentar. Há uma complexa reestruturação, que traz voz a todos mas também riscos e desestabilização. Tentar ver o cenário geral, a floresta de que as árvores são parte, é tarefa difícil e que não prescinde de longas discussões e debates. Um dos temas recetes é a lei europeia de proteção de dados pessoais, em cuja esteira mais legislações nacionais surgem. Avanços e retrocessos são diários. Neutralidade, ubiquidade, articulação política, notícias falsas são assuntos importantes e merecem bastante reflexão. Demi Getschko, engenheiro eletricista formado pela POLI/USP, commestrado e doutorado em Engenharia, é Conselheiro do CGI.br (ComitêGestor da Internet no Brasil), Diretor-Presidente do NIC.br (Núcleo deInformação e Coordenação do Ponto br) e Professor Associado da PUC(Pontifícia Universidade Católica de São Paulo). Foi membro da diretoria da ICANN (Internet Corporation for Assigned Names and Numbers) pela ccNSO (Country Code Names Support Organization). Em abril de 2014 foi eleito para o Hall da Fama da Internet na categoria “Conectores Globais”, com cerimônia realizada em Hong Kong. Em julho do mesmo ano foi agraciado com o prêmio “Cristina Tavares”, da Sociedade Brasileira de Computação. Em dezembro, no dia do Engenheiro, recebeu do Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo o prêmio “Personalidade da Tecnologia 2014”, na categoria “Internet”. Em maio de 2016 foi admitido na Ordem do Mérito das Comunicações no “Grau de Oficial” como forma de reconhecimento aos seus serviços relevantes prestados às Comunicações.

Laboratórios colaborativos reúnem apaixonados por tecnologia

Material bem interessante produzido pelo Canal Pesquisa Fapesp. Luciano Ramalho, Felipe Correa da Silva Sanches e Amanda Yumi Ambriola , i...